Linhas de atuação

Terra, território e equidade sócio-espacial

Comunidades e movimentos populares exigem direito à Consulta Prévia em grandes obras no Oeste do Pará

Seminário Santarém_final As mais de 100 pessoas reunidas no seminário Regional sobre Direitos Humanos e Defesa dos Territórios, entre 18 e 19 de julho, em Santarém/PA, somando cerca de 30 comunidades, movimentos sociais e organizações de assessoria, concluíram a urgência da aplicação do direito à Consulta Prévia, Livre e Informada, previsto na Convenção 169 da Organização Internacional do Trabalho - OIT, ratificada pelo estado brasileiro em 2002.

Arquivado em Notas com as tags , , , , , , , , , , , ,
Linhas de atuação: Terra, território e equidade sócio-espacial

Disputa pela terra está no centro dos conflitos na Amazônia

DSCN7168 Iury Paulino, militante do Movimento dos Atingidos por Barragens de Altamira, chama atenção para a necessidade de reconhecer que “o inimigo do povo é o capital internacional, e que ele está muito bem articulado nos territórios”.

Arquivado em Notícias com as tags , , , , , , , , , , ,
Linhas de atuação: Terra, território e equidade sócio-espacial

Modelo de desenvolvimento é tema de encontro de movimentos sociais e povos tradicionais no Pará

DSCN7136 O auditório batizado com o nome da primeira mulher a presidir o Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais de Santarém – STTR, Luzia de Oliveira Fati, recebe entre hoje e amanhã o seminário Regional sobre Direitos Humanos e Defesa dos Territórios, em Santarém/PA.

Arquivado em Notícias com as tags , , , , , , , , , ,
Linhas de atuação: Terra, território e equidade sócio-espacial

MST | Cerca de 3 mil famílias Sem Terra ocupam área da Araupel no Paraná

MST Segundo os Sem Terra, a área foi grilada pela empresa, que atua principalmente na exportação de madeira de floresta nativa e de madeiras plantadas. As famílias reivindicam a desapropriação da fazenda de cerca de 35 mil hectares para fins de Reforma Agrária

Arquivado em Notícias com as tags , , , ,
Linhas de atuação: Terra, território e equidade sócio-espacial

Campanha Mobiliza Curitiba | Pela INTEGRAÇÃO metropolitana

MOBILIZA_Metrópole Curitiba já ultrapassa 1,7 milhão de habitantes e, por aqui, circulam cerca de três milhões de moradores de municípios vizinhos diariamente. É inviável pensar o Plano Diretor da capital paranaense sem formular estratégias de integração entre as cidades que compõem a Região Metropolitana de Curitiba (RMC)

Arquivado em Notícias com as tags , , ,
Linhas de atuação: Terra, território e equidade sócio-espacial

Comunidades tradicionais se reúnem para debater Direitos Humanos e defesa dos territórios no Pará

Reserva-extrativista-Renascer,-que-será-afetada-pelo-Complexo-Hidrelétrico-Tapajós_Ramon-Santos Seminário Regional sobre Direitos Humanos e Defesa dos Territórios será realizado nos dias 18 e 19 de julho. Atualmente, 46 lideranças comunitárias vivem sob ameaça de morte no Pará. O estado é vice-líder do ranking de assassinatos em contexto de conflitos fundiários em 2013.

Arquivado em Notícias com as tags , , , , , , , , , ,
Linhas de atuação: Terra, território e equidade sócio-espacial

Gazeta do Povo | A necessária discussão do Plano Diretor (também nos bancos universitários)

mobiliza-curitiba Artigo de Lucas Eduardo Alegretti Prates, integrante da Mobiliza Curitiba e estagiário da Terra de Direitos, publicado no caderno universitário da Gazeta do Povo

Arquivado em Terra de Direitos na mídia com as tags , ,
Linhas de atuação: Terra, território e equidade sócio-espacial

Movimentos e organizações discutem conflitos ligados à luta por território na região Oeste do Pará

Oficina Itaituba_Julho 2014 (4) A situação dos conflitos ligados ao direito ao território na região Oeste do Pará foram tema da oficina de Direitos Humanos e Participação Social na Amazônia, realizada em Itaituba, no último sábado (5). A atividade foi organizada pela Terra de Direitos e pela Comissão Pastoral da Terra - CPT da BR-163.

Arquivado em Notícias com as tags , , , , , , ,
Linhas de atuação: Terra, território e equidade sócio-espacial

UFFS lança fórum sobre questão agrária e declara apoio ao Herdeiros da Luta

Acampamento herdeiros da Luta_Foto Joka Madruga (1) “Há um abismo entre o que se produz de conhecimento e o que o povo acessa”, afirma Paulo Mayer, diretor da UFFS.

Arquivado em Notícias com as tags , , , , ,
Linhas de atuação: Terra, território e equidade sócio-espacial

Mais uma liderança quilombola é assassinada no Pará

Luto-300x225 Na noite da última sexta-feira (4), Artêmio Gusmão, líder da comunidade quilombola Mancaraduba, foi assassinado a tiros e esquartejado perto de sua casa. O crime apresenta fortes indícios de estar ligado a conflitos fundiários, já que o quilombola sofria ameaças de morte por parte de fazendeiros e madeireiros da região. A comunidade reivindica demarcação das terras, localizada em uma área pública da União no município de Acará, Noroeste do estado.

Arquivado em Notícias com as tags , , , , , , ,
Linhas de atuação: Terra, território e equidade sócio-espacial

Incra contesta título de propriedade da empresa Araupel, no Paraná

Rio Bonito de Iguaçu Desde o dia 1° de maio deste ano, famílias do MST criaram o Acampamento Herdeiros da Luta 1° de maio, reivindicando a desapropriação da fazenda para a Reforma Agrária.

Arquivado em Notícias com as tags , , , ,
Linhas de atuação: Terra, território e equidade sócio-espacial

(English) Brazil police in spotlight as World Cup looms

Military police say violent protests are the biggest threat during the World Cup [Elizabeth Gorman/Al Jazeera] Amnesty International report on excessive use of force by Brazil's police raises concerns ahead of football tournament.

Arquivado em Terra de Direitos na mídia
Linhas de atuação: Terra, território e equidade sócio-espacial

OEA recebe pedido de investigação e punição dos responsáveis pelo assassinato de integrante do MST no PR

Crimes no campo Os 21 anos de impunidade para os culpados pelo assassinato do agricultor sem terra Bento da Silva, o Teixeirinha, são tema de denúncia feita à Comissão Interamericana de Direitos Humanos, organismo da Organização dos Estados Americanos – OEA. Na denúncia, a Comissão Pastoral da Terra do Parará - CPT e a Terra de Direitos pedem a investigação e punição de policiais militares autores do crime.

Arquivado em Notícias com as tags , , , , , ,
Linhas de atuação: Terra, território e equidade sócio-espacial

Júri popular de integrante da UDR é adiado

JOKA3953 Advogado do réu Augusto Barbosa da Costa, acusado de assassinar o sem terra Sebastião Camargo em 1998, renunciou ao mandado. O acusado tem dez dias para indicar outro advogado para o caso ou para recorrer à Defensoria Pública do Paraná. Agora, Augusto tem o prazo de dez dias para indicar novo advogado para o caso ou para recorrer à Defensoria Pública do Paraná.

Arquivado em Notícias com as tags , , ,
Linhas de atuação: Terra, território e equidade sócio-espacial

Projeto alternativo auxilia comunidades paraenses na formulação do Cadastro Ambiental Rural

Comunidade quilombola Saracura, Oeste do Pará Declarações falsas de latifundiários sobre posse de terras tradicionalmente ocupadas por comunidades geram impasse na demarcação de territórios quilombolas. Projeto exige mais elementos na elaboração do Cadastro, que discrimina as áreas de reserva legal, área de preservação permanente e a área de uso intensivo e assim permite em tese o controle sobre irregularidades ambientais

Arquivado em Notícias com as tags , , ,
Linhas de atuação: Terra, território e equidade sócio-espacial

Integrante da milícia da UDR vai a julgamento hoje

Júri Augusto Barbosa O integrante da milícia privada da União Democrática Ruralista (UDR), Augusto Barbosa da Costa, acusado de assassinar o sem-terra Sebastião Camargo, vai a júri popular, novamente, hoje, em Curitiba, às 13hs. Costa foi submetido a julgamento em fevereiro de 2013, ocasião em que a maioria dos jurados reconheceu a participação do réu de forma efetiva e consciente no crime, portando arma de fogo e aderindo à mesma conduta dos demais presentes no despejo.

Arquivado em Notícias com as tags , , , , , , , , , ,
Linhas de atuação: Terra, território e equidade sócio-espacial

Campanha Mobiliza Curitiba | Política pública de moradia popular

Nuno 2 Política pública de Moradia não é só construção de casas. Para que todos tenham esse direito, é preciso esforço para transformar a cidade em um espaço justo. Hoje, Curitiba não tem uma Política Pública de moradia popular. A Frente Mobiliza aponta a necessidade de criar mecanismos alternativos à COHAB para garantir o acesso à moradia da população

Arquivado em Notícias com as tags , , ,
Linhas de atuação: Terra, território e equidade sócio-espacial

Brasil de Fato| Superintendente do INCRA de Marabá incita violência de fazendeiros contra Sem Terra no Pará

ocupação-fazenda-Santa-Tereza-no-Pará Sem Terra solicitaram a intervenção do INCRA contra a ameaça de quarenta pistoleiros que cercam o acampamento Hugo Chavez. Superintendente diz ter "lavado as mãos"

Arquivado em Notícias com as tags , , , ,
Linhas de atuação: Terra, território e equidade sócio-espacial

Carta da 13ª Jornada de Agroecologia aponta desafios à produção agroecológica e as relações problemáticas entre o Estado brasileiro e o agronegócio

Jornada Participantes do encontro afirmam, em carta, a urgência da construção de uma terra livre de latifúndios, sem transgênicos e sem agrotóxicos e da construção de um projeto popular e soberano para a agricultura

Arquivado em Notícias com as tags , , , , , , ,
Linhas de atuação: Biodiversidade e soberania alimentar, Terra, território e equidade sócio-espacial

Campanha Mobiliza Curitiba | CONCITIBA pra valer!

curitiba_via Atualmente, as decisões mais importantes sobre a cidade são tomadas pelo Conselho Municipal de Urbanismo (CMU), cujos integrantes são indicados pelo poder público. Já o Conselho da Cidade de Curitiba (Concitiba), escolhido democraticamente e com grande participação da sociedade civil, está com suas funções minimizadas

Arquivado em Notícias com as tags , , ,
Linhas de atuação: Terra, território e equidade sócio-espacial