Participe da Campanha Somos Terra Indígena Maró

TI Maró - Cocar4>> Caso TI Maró

A decisão da Justiça Federal do Pará, que declarou inexistente a Terra Indígena Maró, no Oeste do estado, reflete o racismo velado que cerca o judiciário brasileiro. Diante de tal situação, a luta pelo reconhecimento da identidade e pela demarcação da área onde habitam indígenas das etnias Borari e Arapium continua mais forte do que nunca.

A decisão do juiz Airton Portela será contestada pelo Ministério Público Federal. A revisão da sentença permitirá que seja dada continuidade ao processo de demarcação da área, que se arrasta há quase 15 anos.

Sabendo que os recentes conflitos são causados pela ação de madeireiras e por interesses econômicos na área, os habitantes da TI Maró precisam de apoio.

Diante disso, a campanha ”SOMOS TERRA INDÍGENA MARÓ” continua!

Ajude a cobrar a demarcação da Terra Indígena Maró e a garantia do direito a todas as comunidades indígenas do Brasil!

Você pode participar: 

1 – Assinando e compartilhando a petição online com amigos, grupos de e-mail, redes sociais e familiares: http://migre.me/mFzFl

2 – Divulgando em suas redes sociais as fotos da campanha, junto ao link da petição: http://migre.me/nwuWZ3

3 – Divulgando os materiais, vídeos, cartas, notícias ligadas a Terra Indígena Maró: http://terradedireitos.org.br/2013/08/30/terra-indigena-maro-oeste-do-para/

4  - Curtindo e divulgando a página da campanha no facebook: www.facebook.com/somosterraindigenamaro

>> Compartilhe a página usando a chamada:

Junte-se à campanha SOMOS TERRA INDÍGENA MARÓ!

Assine a petição pela demarcação: http://migre.me/mFzFl

>>Conheça a campanha: migre.me/mEMnA

#SOMOSTERRAINDÍGENAMARÓ
#DEMARCAÇÃOJÁ

Tutorial 3

Arquivado em Notícias com as tags , , ,
Linhas de atuação: Terra, território e equidade sócio-espacial